Resumo da novela O Que A Vida Me Roubou

Capítulo de 10 de agosto (Segunda) da novela O Que A Vida Me Roubou

Josefina encontra-se com Adolfo em um restaurante, que pede para que eles comam juntos, como nos velhos tempos. Pedro Medina leva Victoria para passear na rua e se encontra com José Luis, que está indo com Laurinho tomar um sorvete. Laurinho mostra a Victoria à foto de seu pai morto, e a menina o reconhece como sendo seu tio Alessandro. Ela o diz que ele está vivo, mas Laurinho pensa que a menina esteja apenas brincando. Fabiola vai atrás de Montserrat depois de descobrir que ela se casará com José Luis. Fabiola derruba uma taça de vinho no vestido de Montserrat. Carlota sugere a sua sobrinha que use o vestido com o qual se casou pela primeira vez. Ela se nega e diz que não é justo com Alessandro. Rosário a apoia. Montserrat acaba, apenas por hora, cancelando o casamento. Enquanto Alessandro e Victor viajam em ônibus rumo à Água Azul, eles se recordam de uma série de momentos vividos com suas respectivas esposas e sentem muita dor. Montserrat chega à igreja e começa a marcha nupcial. Laurinho entra na igreja e José Luis a olha e se lembra que foi com aquele mesmo vestido que Montserrat se casou com Alessandro, mas não se importa. Ele chora de emoção ao ver a linda noiva chegar até ele no altar. Fabiola chega à casa de Graziela e a detém, dizendo que ela não assistirá o casamento de sua filha. Alessandro e Victor, por fim, chegam à Água Azul e comentam que o povoado está sempre igual. Eles veem uma festa do lado de fora da igreja. Alessandro se surpreende ao ver que os noivos são José Luis e Montserrat, ainda mais quando vê Laurinho correndo para os braços de José Luis e chamando-o de papai. Nádia trata de falar com Victoria e explicar o que está acontecendo para a menina, que a chama de mentirosa. O capitão Robledo, durante a celebração da recepção, aproveita para felicitar José Luis pelo seu novo cargo de chefe de polícia. Ele diz, perante toda Água Azul, que daquele momento em diante a cidade estará muito mais segura e sem impunidade.