Resumo da novela O Que A Vida Me Roubou

Capítulo de 16 de setembro (Quarta) da novela O Que A Vida Me Roubou

Carlota exige a Ezequiel que ajude Alessandro a sair da prisão, já que como prefeito municipal tem poder para fazê-lo. Demétrio trata de falar com Mônica para lhe explicar o ocorrido com Alessandro. Renato diz a Demétrio que o avisou que se machucasse Mônica, se veria com ele. Victor, preocupado, diz a Macário que com a detenção de Alessandro, teme que Pedro descubra sobre sua volta a Água Azul. Graziela vai diante do juiz e lhe diz que mentiu ao culpar Alessandro de assassinar seu pai. Ela diz que o fez porque Sandro estava a ameaçando. Ela revela que os verdadeiros assassinos de Benjamin Almonte são Justino Zamudio em cumplicidade com sua sobrinha Maria. Montserrat, chorando, diz a José Luis que se libertar Alessandro, ela jamais voltará a vê-lo. José Luis pede a Montserrat que jure que quando Alessandro recuperar seu sobrenome, sua fortuna e seu casamento com ela se torne novamente legal, se divorciará para se casar com ele. Montserrat responde que aceita a proposta, mas quer deixar claro que não deixará que ele coloque obstáculos para que Laurinho conviva com seu verdadeiro pai. José Luis responde que Laurinho poderá estar com seu pai, mas ela não voltará a ver Alessandro. O juiz diz a Graziela que vai fazer com que Alessandro fique em liberdade e gerará uma ordem de prisão contra Maria Zamudio. Josefina, chorando, confessa a Adolfo que passou a noite com Demétrio. O juiz diz a Alessandro que sabe da injustiça que se cometeu contra ele. Assim, o deixará de imediato em liberdade. Esmeralda procura Mônica para entregar lhe o convite para seu chá de bebê. José Luis diz a Alessandro que ficará em liberdade, mas desse momento em diante jamais poderá voltar a ver Montserrat. Ele diz que Rosário se encarregará de levar Laurinho para vê-lo.