Resumo da novela O Que A Vida Me Roubou

Capítulo de 17 de setembro (Quinta) da novela O Que A Vida Me Roubou

Alessandro diz a José que Montserrat fica a seu lado por sacrifício, não por amor. Maria se enfurece quando Adolfo diz que José Luis não matou Alessandro, nem Montserrat. Alessandro diz a Rosário que a liberdade não lhe serve de nada sem Montserrat. Mônica pede a Renato que façam amor, já que deseja se vingar de Demétrio. Renato está a ponto de concordar, mas se arrepende e diz que não pode colocar em risco sua relação com Esmeralda, ainda mais agora que seu filho está a ponto de nascer. Mônica concorda. Graziela diz a Montserrat que Alessandro vai recuperar seu sobrenome e seu casamento com José Luis perderá o efeito. Montserrat a conta sobre o acordo que fez com José e diz que está proibida de ver Alessandro. Graziela, furiosa, diz que José Luis não tem esse direito, pois foi ela quem fez com que Alessandro ficasse em liberdade. Montserrat não acredita que sua mãe ajudou Alessandro para que ele ficasse em liberdade. Graziela diz que precisava reparar seu erro e ganhar um pouco de seu carinho. Sendo assim, José Luis não fez favor nenhum, apenas cumpriu uma ordem do juiz. Esmeralda encontra Renato na casa de Mônica, ambos seminus, e acredita que eles acabaram de ter relações sexuais. Mônica diz a Renato que sente muito por ter causado um problema entre Renato e Esmeralda e afirma para o rapaz que procurará Esmeralda para esclarecer as coisas. José Luis diz a Montserrat que graças a ele Alessandro ficou em liberdade. Graziela enfrenta José com a verdade. Montserrat diz a José Luis que ele enchia a boca para dizer que Alessandro a havia comprado e agora faz exatamente o mesmo. José responde que a perdeu não por dinheiro, e sim porque ela se apaixonou por Alessandro, porém nunca o amará tanto quanto um dia disse amá-lo.