Resumo da novela Quando me Apaixono

Capítulo de 22 de janeiro (Sexta) da novela Quando me Apaixono

Saúl chega bêbado na fazenda “A Bonita” e diz a Renata que Jerônimo e Marina os abandonaram. Ele diz que no povoado todos dizem que Marina deu um ultimato a Jerônimo e ele a escolheu para poder ficar perto de seus filhos. Matias expulsa Saúl da fazenda e vai até o aeroporto checar a lista de passageiros onde comprova que os dois viajaram juntos. Renata não consegue acreditar que Jerônimo tenha feito algo assim. O advogado que está cuidando do caso de Constanza consegue ter acesso aos vídeos do condomínio para usá-los como argumento de defesa. Gonçalo também está investigando pois acredita que deve ser alguém muito próximo a Constanza e Regina, alguém muito interessado em prejudicá-las. A primeira suspeita recai sobre Josefina e Branca, mas logo é descartada por que as duas estão presas na unidade psiquiátrica. As mulheres do Centro “A Esperança” também decidem ajudar e vão procurar Corina na vila onde mora. Enquanto isso, Augusto está furioso porque a gravidez de Renata é um empecilho para que se reaproxime dela. Aníbal precisa se confessar para dizer ao padre Severino que desconfia que Augusto teve algo a ver com o motivo que impediu que Jerônimo e Renata se casassem na fazenda “A Bonita”. O ginecologista diz a Renata que sua gravidez está correndo bem, mas não poderá viajar para a capital antes de fazer um eletrocardiograma por causa de uma arritmia.