Resumo da novela Amores Verdadeiros

Capítulo de 13 de abril (Terça) da novela Amores Verdadeiros

Depois de beijar, Nikki empurra Gúsmão por fazer isso. Por outro lado, Kendra recebe Odette em sua casa e ambas celebram o triunfo ao conseguir a separação de Nelson e sua esposa. Com isso, chega o “docinho” e a empresária é obrigada a sair pela porta de serviço. Nelson volta para casa e implora novamente à esposa para aceitá-lo de volta, mas a decisão já foi tomada. Enquanto isso, Aguiar e sua família celebram a reconciliação. Por sua vez, Candelária vai desesperada à igreja para pedir perdão a Deus pelo segredo que guarda. A enfermeira alega que o que fez foi por amor à filha. Mais tarde, José Ângelo e Salviano falam sobre as crianças, já que o chefe da segurança está profundamente apaixonado por Beatriz e planeja começar uma família com ela e Guille. José Ângelo confessa que após o nascimento de Liliana Cristina já não pode ter mais filhos. Mais tarde, durante uma reunião de família, Adriana exige que o pai confesse o que fez com a filha. Os dois vão à biblioteca apenas para o empresário reiterar sua posição. Por outro lado, Nelson tenta se aproximar de Nikki usando o que aconteceu como pretexto. O empresário garante que, se conquistar a filha, a esposa não o deixará. Mais tarde, Aníbal conhece um detetive particular e pede que ele encontre o médico que fez o parto de sua filha. Isso só para descobrir o que ele fez com a “bastarda”. Além disso, ele instrui Pastrana (o pesquisador) a localizar Candelaria. Infelizmente para ele, Pastrana é parente de Hilda e ela o manipula para distorcer as informações e, portanto, Aníbal nunca atinge seu objetivo. Mais tarde, Vitoria e Aguiar têm um encontro em que quase se beijam mas o guarda-costas esclarece que nunca podem ter nada. A empresária decide que eles mantenham distância. No dia seguinte, Nikki consegue fazer a professora de piano renunciar. Vitoria pede a Gúsmão para ensiná-la desde que o ouviu praticar.