Resumo da novela Amanhã é Para Sempre

Capítulo de 18 de julho (Quarta) da novela Amanhã é Para Sempre

Bárbara pede que Adriano diga à Aurora que Santiago já sabe que ela espera um filho, que a perdoou e quer se casar. “Franco” diz a Fernanda que Bárbara planejou o sequestro de Liliana e a levou para a casa de Artêmio Bravo, um homem que é o pior inimigo dos Elizalde e meio-irmão de seu pai. Ele revela também que foi Artêmio quem ordenou a morte de sua mãe. Eduardo explica que teve fingir aliança com Bárbara para acabar com Artêmio Bravo. Flor diz a Fernanda que Gardênia flagrou Bárbara e Adriano pouco antes de seu casamento. Flor também diz a Fernanda que deve confiar plenamente em Franco Santoro. Steve pressiona Camilo a marcar a data do casamento e, em troca, lhe entregará o carro de seu pai. Caso contrário, quem irá recebe-lo será Gonçalo, sabendo como o carro chegou na fazenda de Franco Santoro. Bárbara, furiosa, diz a Florzinha que a visita de Rubiel era segredo entre elas e Fernanda ficou sabendo, a demitindo da empresa. Fernanda enfrenta a madrasta e diz que não vai permitir que nem ela nem Aníbal dispensem Flor. Adriano acusa Priscila de ter comentado com Fernanda sobre o caso Rubiel e diz que terá de ajudá-lo, caso contrário, seu pai, seu irmão e Gonçalo Elizalde saberão que seu filho é um bastardo. Priscila critica Vladimir pela aliança com Aníbal. Úrsula questiona o porquê de Fernanda enviar os pertences de Adriano para sua casa. Fernanda se recusa a dar explicações. Artêmio surpreende “Franco” lendo o diário de Ana Gregória e pergunta se já descobriu que ele é o filho bastardo da história.